• TVT
  • RBA
  • Rádio CUT
MENU

Oficina de EduComunicação reúne sindicatos CUTistas e entidades do Colegiado

Publicado: 06 Fevereiro, 2019 - 14h08

Escrito por: ASCOM – CUTBA Jelber Cedraz

notice

Nesta segunda-feira, 04 de fevereiro, em Feira de Santana, a 110 km da capital, a Secretaria de Desenvolvimento Rural – SDR, através da Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional – CAR, está realizando as Oficinas Educomunicação para Colegiados de Desenvolvimento Territorial, nos 27 Territórios de Identidade da Bahia. Durante todo o dia vários diretores de comunicação, juventude dos sindicatos rurais e da cidade, que fazem parte do colegiado estão dialogando sobre o processo de Educação e Comunicação como ferramenta de aprendizagem e combate as influências midiáticas, que defende o capitalismo.

A formação que além de hoje, seguirá por meios digitais, em rede, telepresencialmente faz parte do projeto Redes EduComunicativa, para cada território.

“É preciso transformar o território numa Rede Colaborativa, assim juntos podemos de fato iniciar a revolução através da comunicação”, comentou a Lila diretora do Sindicato dos Trabalhadores Rurais e Agricultores Familiares de Feira de Santana. “Estamos sofrendo com os fakes news, com a falta de entendimento, essa oficina vem nos mostrar nosso valor e principalmente como nos defender, além de ser a forma mais eficaz de chamar a juventude e forma-los politicamente”, pontuou.

Para a vice presidenta da CUTBA, Conceição Borges, o trabalho é árduo. “No Brasil, com alto índice de analfabetismo e de maldade por parte dos políticos, cabe somente a educação transformar nossa sociedade, mesmo eles querem desmantelar nossa educação, vamos lutar para que nossos direitos, ai a sociedade tem que entender que é o meu e o dela, mãe, pai, jovem, dona de casa, artistas, policia, entre outros que estão mexendo e não é para o bem, só para o bem dos ricos”, alertou Conceição.

A Secretária de Comunicação da CUTBA, Lucivaldina Brito, vai mais além e chama a atenção para outro efeito: o cascata. “Precisamos informar melhor a sociedade, acabar com os fakes News, quando eles começam eles não param mais, com toda essa maldade inserida, unir força não é lutar com armas e palavrões, queremos e vamos ser inteligentes, pois defender os direitos requer conhecimento e vamos busca-los e ajudar todos os brasileiros esclarecendo, por isso, a comunicação da central iniciará uma séria de inovações desde as redes sociais, como para o congresso para que possamos conseguir em tempo, a nossa rede de comunicação CUTista pela Bahia”, contou com entusiasmo a secretária Lucivaldina Brito.

Estiveram presentes diversos representantes dos sindicatos rurais do território Portal do Sertão.

carregando
carregando