• TVT
  • RBA
  • Rádio CUT
MENU

CUT BAHIA NA RESISTÊNCIA COM O GRITO DOS EXCLUÍDOS NO 7 DE SETEMBRO

Publicado: 04 Setembro, 2019 - 15h33 | Última modificação: 04 Setembro, 2019 - 15h53

Escrito por: Ascom CUT Bahia - Aline Damazio

notice

A Central Única dos Trabalhadores da Bahia  ( CUT Bahia) estará  em unidade e potencializando o 25º Grito dos Excluídos  na Bahia, data que será marcada por manifestações, mobilizações e atos na capital e no interior.

Com o  tema desse ano "Este Sistema Não Vale", o Grito chama atenção para denunciar de forma pública a tragédia de Brumadinho; o não a reforma da Previdência; não a reforma Trabalhista; as queimadas na Amazônia; desemprego; o desmonte na participação popular nos governos com a retirada dos conselhos; a violência, a corrupção na Lava Jato e Lula Livre.

O presidente da CUT Bahia, Cedro Silva que tradicionalmente apoia a manifestação vê com satisfação mais essa adesão nacional. “O Grito dos Excluídos é mais uma forma do povo mostrar toda a insatisfação política e social nas ruas. Estaremos lutando contra a reforma da Previdência, por soberania do país e pela liberdade de Lula ”, afirma.

Na Bahia, já estão confirmados atos em Salvador, às 10 h, no Campo Grande; em Feira de Santana, às 7h30, na Avenida Presidente Dultra; em Itabuna, às 8h, no Jardim do Ó; em Teixeira de Freitas; às 7h, na Avenida Principal somando as 65 cidades brasileiras que realizarão atos neste 7 de setembro.

Será um dia de unidade nacional, amplificar nossas vozes  e promover ações de denúncia dos males causados por este atual modelo político social do governo federal. Nesta conjuntura é fundamental lutar, em unidade, por direitos, por justiça, liberdade em contraponto às comemorações oficiais de falsa Independência do Brasil.

A CUT Bahia está junto com o Grito dos Excluídos, para ampliar a organização de classe e denunciar os diversos excluídos  de nosso país e os processos políticos que geram a exclusão, através de bandeiras, faixas e cartazes daremos visibilidade e voz aos que lutam para serem ouvidos e assim construírem uma sociedade mais igualitária e que respeitem os direitos de todos.

Locais que confirmaram o Grito dos Excluídos na Bahia:

Salvador

Local: do Campo Grande a Praça Castro Alves

Horário: 10h

 

Teixeira de Freitas 

Local: na Avenida Principal

Horário:  7h

 

Itabuna

Local: Jardim do Ó

Horário: 8h

 

Feira de Santana

Local: Avenida Presidente Dutra

Horário: 7h30

 

Guanambi

Data: 6/9

Local: Bairro da Alvorada

Horário: 19h

 

Santo Antônio de Jesus

 
Local: Avenida Roberto Santos
 
Horário: 8h